Atendimentos

Psicoterapia e psicanálise

  • Individual

O medo, a ansiedade, as incertezas são sinais de que novos caminhos precisam se abrir, novas soluções devem ser criadas para resolver os problemas que estão se repetindo.

A mudança incide nos sentimentos, atitudes, relacionamentos pessoais, formas de estar na vida. A psicoterapia é também para pessoas que estejam enfrentando novas realidades, com problemas de saúde, atravessando uma crise, ou ainda, sem um motivo específico, queiram conversar com um profissional da área de psicologia.

  • Casais

Para casais que estejam atravessando momentos de mudança no relacionamento, nascimento de filhos, dificuldades de entendimento, possibilidades de separação, incompatibilidades, novas realidades na vida.

  • Orientação de Pais

As relações dos pais com seus filhos são únicas; portanto, não há orientações que possam ser  estabelecidas antes da compreensão de cada situação específica.

O trabalho procura detectar as dificuldades, ajudando os pais a encontrar seu próprio estilo para exercer as funções paterna e materna com maior segurança e menos desgaste físico e emocional.

O atendimento pretende ser breve. Muitas manifestações das crianças são construídas em função de como elas percebem, sentem e interpretam a relação com os adultos.  Por vezes, assim que os pais passam a se relacionar de outra maneira, tanto as crianças como os adolescentes podem mudar de posição.

Há mudanças efetivas  na dinâmica  das trocas familiares, podendo ocorrer remissão de sintomas que estavam se mantendo devido a um padrão de repetições nestes vínculos.

Parceria com escolas

  • Educação infantil, ensino fundamental e médio
Oferecemos às escolas a realização de “conversas assistidas” com pais ou educadores, no próprio espaço da escola, para discussão de temas emergentes em relação à educação.

Fale sobre suas dúvidas:
Marcia Arantes
marcia@marciaarantes.com
55  11  3034-3065 | 55 11 98125-4472
Alto de Pinheiros – São Paulo – Brasil

119 pensamentos sobre “Atendimentos

  1. Pingback: O que fazer com a culpa? | educar é "A" questão

  2. Pingback: Estar não é ser! | educar é "A" questão

  3. Pingback: Criança desesperada! | educar é "A" questão

  4. Pingback: Por que desmamar? | educar é "A" questão

  5. Pingback: Jogo eletrônico:distância ou proximidade? | educar é "A" questão

  6. Pingback: Mais sobre defesa | educar é "A" questão

  7. Pingback: Meu filho precisa se defender! | educar é "A" questão

  8. Pingback: A cara da escola | educar é "A" questão

  9. Pingback: Crianças aprisionadas na tela | educar é "A" questão

  10. Pingback: Que barriga é essa? | educar é "A" questão

  11. Pingback: Meu irmão não gosta de mim! | educar é "A" questão

  12. Pingback: Nós na Cia das Mães | educar é "A" questão

  13. Pingback: Tô com medo!!! |

  14. Pingback: É hora de tirar as fraldas? |

  15. Pingback: Eu quero o papai! |

  16. Pingback: Mamãe foi trabalhar |

  17. Pingback: Bloqueio para matemática??? |

  18. Pingback: Que rede é essa? |

  19. Pingback: A outra casa do meu filho |

  20. Pingback: Pequenos grandes consumidores |

  21. Pingback: Dormir de porta fechada |

  22. Pingback: Por que presenteamos? |

  23. Pingback: E se eu não passar? |

  24. Pingback: É hora de comer! |

  25. Pingback: Essa menininha sabe o que quer! |

  26. Pingback: Beleza de trânsito |

  27. Pingback: Mentiras |

  28. Pingback: Chororô |

  29. Pingback: Perguntas difíceis |

  30. Pingback: O objeto amado do bebê |

  31. Pingback: Atenção! |

  32. Pingback: Quem é o bebê? |

  33. Pingback: A menininha vira fera |

  34. Pingback: Irmãos só mudam de endereço… |

  35. Pingback: Promessa é dívida |

  36. Pingback: Crianças na rua da amargura |

  37. Pingback: Castigo para que? |

  38. Pingback: Agenda cheia |

  39. Pingback: Mesmos pais, filhos tão diferentes 2 |

  40. Pingback: Das tripas coração |

  41. Pingback: Pai amigo?? |

  42. Pingback: Não dá prá dizer não?! |

  43. Pingback: O que os olhos não vêem… |

  44. Pingback: Vítimas da publicidade |

  45. Pingback: Consumimos crianças? |

  46. Pingback: Estranhamento |

  47. Pingback: A lição de casa |

  48. Pingback: Dito e feito |

  49. Pingback: Brinquedos que consomem |

  50. Pingback: O corpo descoberto |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s